Buscar

5 Dicas indispensáveis para aprender a surfar

Atualizado: 5 de abr.


Não é novidade que praticar esportes é essencial para manter a saúde física e mental, se você gosta do contato com a natureza, temos uma dica especial: o surf.


O surf é uma prática desportiva radical em que o desafio é manter- se equilibrado de pé em uma prancha no mar o maior tempo possível, fazendo manobras e deslizando sobre as ondas.


Essa prática traz muitos benefícios para a saúde, como também exige alguns cuidados importantes para o desportista, portanto é essencial que ao pensar em surfar você saiba algumas dicas que farão toda a diferença nessa experiência.


Preparamos 5 dicas indispensáveis para aprender a surfar. Nos próximos tópicos você saberá cada uma delas. Continue com a leitura!


Surfar é difícil?


Essa é uma das perguntas mais frequentes que os professores de surf escutam e a resposta é: não. Assim como todo esporte o surf exige dedicação e consistência.


Segundo o professor de surf Gustavo Conceição Saraiva, 90% dos alunos já ficam em pé na prancha logo na primeira aula. Isso não significa que aprenderam a surfar, mas é o início do processo e algo muito positivo para quem almeja o esporte.


Um detalhe muito importante para qualquer prática é qual acessório usar, neste caso, o tipo de prancha conta muito e faz toda diferença, considerando que um acessório adequado deve facilitar o processo.


1- O tipo de prancha


Acontece que existem diversos tipos de pranchas, com tamanhos, largura e espessura diferentes. Confira os tipos de pranchas existentes e qual o melhor para a sua fase de surf.


  • Longboard: Essa é uma prancha grande, ideal para ondas pequenas e médias;


  • Shortboard (ou pranchinha): É uma prancha com a ponta mais fina, usada em manobras radicais. Indicada para surfistas experientes (que participam de campeonatos e etc).


  • Funboard (ou malibu): Indicada tanto para iniciantes, quanto para intermediários. Ideal para fazer a transição entre longboard e shortboard, já que possui características de ambas;


  • Evolution: Prancha de nível intermediário, semelhante a pranchinha, é bem versátil e possibilita fazer manobras, ideal para quem está fazendo transição gradual dentro do surf.


  • Gun: Prancha longa, estreita e com o bico pontudo. Usada para ondas gigantes, não é recomendada para iniciantes.

  • Fish: Ideal para ondas médias, tem como característica marcante a rabeta que é chamada de “swallow” (pois parece com o formato do rabo do peixe), além de serem largas e espessas.


  • Tow-in: Bem pequena e estreita, possui footstraps (alça que segura os pés) para manter o desportista fixo na prancha.


Além do tipo de prancha, é importante que você se atente ao local onde vai pegar suas primeiras ondas.



2 - Escolha bem o local de início


Um dos pontos essenciais a considerar quando se pensa em surfar é o local de início.


A dica é: opte por lugares com poucas pessoas.


Também é importante escolher lugares onde as ondas são pequenas e o mar é calmo, além disso conhecer o local antes de começar a surfar é essencial.


Entre na água, seja sozinho ou com o seu instrutor, e verifique se não há crateras, como é a areia daquele local, etc.


Dessa forma você saberá seus limites e estará atento a qualquer imprevisto que possa vir a ocorrer.


Não se esqueça de que seu corpo e mente devem estar alinhados para começar essa prática, a concentração é essencial.


3 - Sinta


Além da técnica, o surf é sentir, portanto sinta a sua prancha, o mar, o seu corpo.


Para inserir o surf na vida é necessário ter muita paciência e dedicação, como já foi citado anteriormente, é importante que você esteja aberto ao autoconhecimento que o surf traz sobre os próprios limites, corpo e mente.


Técnica e sensibilidade são essenciais nesse processo, observar também é outro ponto muito importante, se atente aos surfistas mais experientes, agregará no seu desenvolvimento dentro do surf.



4 - Prepare o seu corpo


O alongamento é essencial para qualquer atividade física, nunca é recomendado começar qualquer exercício sem antes preparar o corpo.


No surf não é diferente, o aquecimento e alongamento devem fazer parte do inicio da prática. Sinta seu corpo e identifique se está com mobilidade suficiente para iniciar a prática.


Além disso, diferente de outros esportes, o surf exige uma resistência corporal, pois requer esforço em todo o corpo, em especial nos ombros, braços e pernas.


5 - Procure por uma escola de Surf


A dica mais importante de hoje é: procure por uma escola de surf.


Você encontrará o suporte necessário para iniciar no surf, além de profissionais experientes e capacitados que te ajudarão em cada passo desse processo, garantindo a praticidade e principalmente sua segurança.


Geralmente as escolas possuem todo equipamento necessário e adequado para você. Tire todas as suas dúvidas, escute com atenção o seu instrutor e explore o máximo desse mundo do surf.





O Sea Wolf Surf Hostel oferece aulas de surf, além de possuir toda a estrutura necessária para te ensinar a surfar do zero, com professores especializados que dão todo o suporte necessário para você ingressar nessa aventura.


Quer viver essa aventura? Entre em contato e saiba mais.


Para saber mais sobre o surf acesse no nosso blog Conceitos de Yoga e Surf.

66 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo